sábado, 7 de janeiro de 2017

Crítica do filme Moana-Um Mar de Aventuras

Depois do sucesso com Frozen a Walt Disney Pictures criou um nova história. Moana – Um Mar de Aventuras.




O filme conta a história de uma menina chama Moana Waialiki,a filha do Chefe Taui numa ilha da Polinésia. No filme ,Moana foi escolhida pelo oceano para encontrar um semideus chamado Maui para juntos devolverem o coração da deusa Te Fiti,isso tudo para salvar sua tribo e todos os outros povos.


Tudo começou quando Maui resolve roubar o coração de Te Fiti para dar aos povos,pois eles acreditavam que o coração dariam aos humanos o poder da criação.Assim que Maui roubo o coração de Te Fite , ele enfrentou e acabou sendo derrotado por Te Ka, um monstro de lava que desapareceu com Maui.



Após Moana ser escolhida pelo oceano para grande missão ,passa-se alguns anos e a garotinha cresce e quer por a vontade de sair navegando o oceano ,porém seu pai que é líder da tribo não aceita a decisão e diz que o lugar dela é junto com o povo .Moana está sendo treinada pelo seu pai para assumir a tribo,mas não é isso que a garota deseja.

A avó de Moana, Tala,enquanto o chefe Taui não apoia que a filha navegue depois dos recifes, a avó é a pessoa que apoia e mostra para a neta a origem de seu povo, o que é muito importante para o início da aventura. Ela tem uma personalidade muito divertida, com uma sabedoria e com um amor forte por Moana.


Crítica Pessoal:

O filme trata muito da mitologia Maori ,um assunto não muito conhecido.Além disso mostra característica de um tipo de princesa não muito conhecida pelo universo Disney.Moana é uma garota super confiante e que não precisa de mais ninguém muito menos um príncipe para ser quem ela é.

O filme tem uma linda trilha sonora com uma musica da Alessia Cara (que é a cara da Moana).A animação é bem feita e tem uma aventura emocionante que deixa qualquer um empolgado.


5/5