sábado, 24 de setembro de 2016

Lu Muniz - Entrevista (Doce Inocência)

Entrevista com perguntas sobre sua vida de escritora e algumas coisinhas mais sobre seu livro.

Um pouco mais sobre a nossa parceira.Escritora de um romance maravilhoso (LINK DA RESENHA NO FIM DO POST).


1-      Como você percebeu que queria ser escritora?
R: Escrevo desde muito menina. Talvez nunca tenha percebido de fato. Eu encaro a escrita como parte de quem eu sou desde sempre. Escrever me liberta.

2-      Quais eram seus passatempos no passado?
R: Sempre foi ler, escrever e assistir a novelas e filmes. Sou uma viciada em boas histórias!

3-      De onde você tira inspiração para criar seus personagens?
R: De tudo. Qualquer situação pode desencadear uma sequência de ideias para ações ou criação de personagens.

4-      Defina sua história em uma frase:
R: “Quando você chegou...” : Superação.
“Doce Inocência, outro olhar sobre o seu”: Amadurecimento.

5-      O que acha dos escritores nacionais?
R: São pessoas capazes de expressar em palavras o que se passa no mundo a sua volta, denunciando-o, decorando-o, recriando-o...

6-      Qual sua obra literária favorita?
R: “A menina que roubava livros”, de Markus Zusak.

7-      Faça uma sinopse com poucas palavras:
R: “Quando você chegou...” conta a história de Nina, uma garota que resgata um menino de 5 anos dos escombros após uma chuva que soterrou parte de uma cidadezinha do interior. É um drama que tem como ponto central o amor materno construído.
“Doce Inocência” traz a história de amadurecimento de Francine, uma garota apaixonada por Ivan: um homem treze anos mais velho do que ela, músico e melhor amigo do seu irmão. Quando ele se vê atraído por ela, aparecem os conflitos.

8-      Por que eu (leitor) devo ler o seu livro?
R: Porque são histórias que movem o ser humano através do único sentimento do qual nos torna plenos: o amor.